Finanças

14 Jun 2012

Sonangol vai reforçar posição no capital do BCP

Pedro Sousa Carvalho
Sonangol vai reforçar posição no capital do BCP

Os angolanos da Sonangol não só vão acompanhar o aumento de capital do BCP como vão aproveitar a operação para reforçarem a posição.

Os angolanos da Sonangol não só vão acompanhar o aumento de capital do BCP como vão aproveitar a operação para reforçarem a posição. O banco liderado por Nuno Amado está a preparar um aumento de capital de 500 milhões de euros que, em caso de não comparência dos accionistas, será tomado firme pelo Estado com um preço de subscrição de quatro cêntimos por acção.

Mas os accionistas de referência do banco, salvo algumas excepções, vão participar no reforço de capital para evitar a diluição das suas posições, evitando também a entrada no Estado no capital do maior banco privado português.

No caso da Sonangol, o maior accionista do BCP, o Diário Económico sabe que a operação também vai servir para reforçar a sua participação que, no final do ano passado, ascendia a mais de 11%. Além da subscrição das acções a que têm direito, os angolanos vão aproveitar para comprar direitos de outros accionistas de referência ou mesmo de pequenos accionistas. O BCP é uma das cotadas portuguesas com maior dispersão de capital, contando actualmente com mais de 180 mil accionistas.

Na última conferência de apresentação dos resultados da Sonangol, Francisco de Lemos, o novo "homem forte" da petrolífera angolana, já tinha dado indicações de que apesar das perdas em bolsa, a Sonangol iria continuar no capital social do Millennium BCP. Os angolanos já têm autorização do Banco de Portugal para reforçarem até aos 20% no BCP.

Faça login, como assinante, para ler esta notícia na integra
Ainda não é assinante?
Garanta e acompanhe toda a informação do Diário Económico, actual, rigorosa e independente.
Escolha a modalidade que mais se adapta às suas necessidades.
subscreva já
x
Recomendadas
x
Social
    0 LEITORES ONLINE

    Comentários

    "O Económico apela aos leitores para que utilizem este espaço para um debate sério e construtivo, dispensando-se, para o bem de todos, o insulto e a injúria gratuitos. Desaconselha-se o uso exclusivo de maiúsculas e a repetição de comentários. Comentários inadequados devem ser denunciados e quando tiverem mais de cinco denúncias serão eliminados. O IP do leitor não será revelado mas ficará registado na base de dados".
    ir para o topo