IMPRIMIR

Saiba quais são as melhores ofertas de televisão por cabo

O Diário Económico mostra os pacotes base de TV por cabo, telefone e Internet disponíveis no mercado e quais os melhores preços.

Saiba quais são as melhores ofertas de televisão por cabo

A Vodafone vai alargar, a partir de hoje, a sua oferta de televisão paga - o Vodafone Casa TV -, a todos os consumidores que quiserem aderir ao serviço.

A operadora liderada por António Coimbra já tinha feito o pré-lançamento do serviço em Julho, mas apenas para os clientes com internet ADSL Vodafone. Na altura, o objectivo era oferecer aos clientes da operadora um pacote de televisão, internet e telefone (´triple play') e aproveitar a experiência como teste-piloto antes do alargamento ao resto do mercado.

"O serviço já está disponível em todas as zonas com cobertura ADSL da Vodafone e esta abrange a maioria da população portuguesa", explicou ao Diário Económico Mário Vaz, administrador da operadora com o pelouro dos negócios de consumo, escusando-se a avançar o número de clientes que já aderiram a este serviço.

A aposta da Vodafone no mercado da televisão, já muito competitivo, aperta assim a concorrência a outras operadoras com uma oferta semelhante no mercado, como a PT e a Zon

Para já, a oferta disponibilizada será a mesma que a apresentada em Julho, com 100 canais."Estamos a trabalhar numa série de desenvolvimentos que prevemos lançar ainda este ano", diz o administrador da operadora. "Em simultâneo, estamos em negociações com alguns fornecedores para alargar a oferta de canais, concretamente os canais em Alta Definição, o que contamos fazer ainda antes do Natal", acrescenta.

Além da oferta de televisão, internet e telefone, para migrar os clientes que já são ADSL para o ‘triple play'", a Vodafone criou um novo plano tarifário, só com telefone e televisão, a um preço inferior. A expectativa da operadora é que o novo tarifário de voz e televisão permita a angariação de novos clientes, enquanto quem já é cliente Vodafone vai manter-se no ‘triple play'.

Fibra óptica em estudo
A Vodafone tem a plataforma de televisão paga assente na tecnologia de televisão sobre internet (IPTV), uma infra-estrutura que só tem capacidade para suportar cerca de 300 mil clientes. Para ultrapassar este valor seriam necessários investimentos significativos. Um cenário que, para já, é pouco provável, embora a Vodafone admita investir em fibra óptica.

"Estamos a acompanhar e a analisar todas as tecnologias que permitam realizar uma evolução no serviço televisão, entre as quais a fibra óptica", diz Mário Vaz.

 

Ofertas base integradas dos vários operadores do mercado

  • Pacote base da Zon oferece 65 canais

O pacote clássico custa 34,99 euros por mês no primeiro ano e depois passa para 39,9l0 euros. A Zon disponibiliza 65 canais de televisão, incluindo o TVI24, internet a 2MB e telefone fixo grátis à noite. Na oferta da TV Cabo é possível um pacote de televisão com 65 canais e de telefone fixo grátis à noite por 28,93 euros, que não inclui o aluguer da box.

  • Meo com desconto no primeiro ano

O pacote básico de ‘triple play' da PT custa 39,90 euros por mês, já com o desconto de seis euros no primeiro ano. Tem 60 canais, acesso ao videoclube, net até seis Mb, chamadas grátis à noite. A oferta de televisão e telefone custa 30,90 euros/mês, com chamadas ilimitadas para a rede fixa e televisão com 50 canais.O Meo tem o exclusivo do Benfica TV.

  • Clix da Sonaecom tem opção de canais

O pacote base de televisão da Clix custa 39,98 euros. Tem 55 canais com mais cinco de opção, videoclube, acesso à internet em ADSL até 24MB com 60GB de tráfego e ainda telefone fixo sem assinatura. O pacote de TV e voz, com 55 canais mais opção de cinco e chamadas ilimitadas para números fixos nacionais custa 29,98 euros por mês.

  • Cabovisão apresenta oferta de 38 canais

O pacote ‘light' de ‘triple play' da Cabovisão custa 46,73 euros, com 38 canais, internet a 3MB, chamadas ilimitadas para a rede fixa nacional e oferece um telefone fixo e a instalação. Ja a oferta de televisão com 38 canais e telefone sem assinatura mensal custa 28,74 euros por mês fora do período promocional, com a oferta do telefone fixo.

  • AR Telecom dá serviço a partir de 10 euros

A oferta mais barata da AR Telecom custa dez euros por mês e disponibiliza televisão com 10 canais, internet ‘pay per use' e telefone sem assinatura. Com uma oferta alargada de televisão, ou seja, 34 canais, internet sempre ligada e telefone sem assinatura o serviço custa 29 euros, sendo que este valor passa para 36 euros após o primeiro ano de adesão.

  • Vodafone propõe novo pacote de voz e televisão

A oferta base daVodafone disponibiliza 55 canais, com mais de 700 filmes já disponíveis no videoclube, internet e telefone, por 19,90 euros, até ao final do ano, promoção que inclui as ‘boxes'. A partir de Janeiro, este serviço passa a custar 39,90 euros. A operadora apresenta hoje uma oferta só de televisão e telefone, por 19,90 euros, após o período promocional.

 

 

 

PUB