Assine aqui o Económico

Política

12 Abr 2012

PS impõe disciplina para evitar oito votos contra o Tratado Europeu

Márcia Galrão
PS impõe disciplina para evitar oito votos contra o Tratado Europeu

O PS vai impor disciplina de voto aos seus deputados para a votação de amanhã do Tratado Orçamental Europeu.

Uma decisão que surgiu só ao início da tarde e depois de se ter percebido que oito deputados socialistas iriam votar contra, apesar da posição oficial do partido ser a aprovação: João Galamba, Pedro Alves, Rui Duarte, Duarte Cordeiro, Isabel Moreira, Sérgio Sousa Pinto e Pedro Nuno Santos.

Ao que o Económico apurou houve ainda uma derradeira tentativa da liderança parlamentar para diminuir o número de dissidentes, tendo alguns destes deputados sido questionados sobre a possibilidade de voltarem atrás e aprovarem o Tratado.

Terá sido perante a recusa de qualquer um deles de voltar atrás que a liderança de Carlos Zorrinho resolveu impor a disciplina de voto. A ideia que fica, dizem alguns deputados, é que a decisão se deveu ao número elevado de pedidos para contrariar o voto oficial do PS.

Ainda assim, com excepção dos elementos da Juventude Socialista (Pedro Alves e Rui Duarte), todos os outros garantem agora que irão respeitar essa disciplina de voto, até porque se trata de um tratado internacional em que essa disciplina é mais facilmente compreensível do que, por exemplo, no Código do Trabalho. Surgirão, no entanto, declarações de voto.

Em declarações à agência Lusa e à Antena 1, Pedro Alves adiantou que os representantes da JS estão a ponderar entre a abstenção ou o voto contra o tratado.

"Não se trata de um caso de furar a disciplina de voto. A nossa posição resulta do facto de a JS gozar de margem de autonomia dentro do PS", vincou o líder da JS.

 

x
Recomendadas
x
Social
    0 LEITORES ONLINE

    Comentários

    "O Económico apela aos leitores para que utilizem este espaço para um debate sério e construtivo, dispensando-se, para o bem de todos, o insulto e a injúria gratuitos. Desaconselha-se o uso exclusivo de maiúsculas e a repetição de comentários. Comentários inadequados devem ser denunciados e quando tiverem mais de cinco denúncias serão eliminados. O IP do leitor não será revelado mas ficará registado na base de dados".
    ir para o topo