IMPRIMIR

Procura de obrigações do BPI superou três vezes a oferta

O BPI colocou hoje no mercado mil milhões de euros de obrigações hipotecárias a três anos. Em duas horas, a procura superou em três vezes a oferta.

Procura de obrigações do BPI superou três vezes a oferta
As agências de rating Moody's, S&P e Fitch atribuíram à emissão a notação máxima.

O banco explica em comunicado que esta operação é a primeira emissão deste tipo por parte de instituições portuguesas este ano, "tendo sido liderada por um sindicato de bancos constituído pelo BNP Paribas, DZ Bank, Goldman Sachs, La Caixa e Nomura".

As agências de rating Moody's, S&P e Fitch atribuíram à emissão a notação 'Aaa', 'AAA' e 'AAA' respectivamente, o que corresponde à classificação máxima destas agências, nota o banco liderado por Fernando Ulrich.

O BPI acrescenta que a emissão, que foi colocada no mercado internacional, foi "alvo de forte procura" e que "em apenas duas horas, o montante das ordens excedeu em cerca de três vezes o montante da emissão".

Esta procura elevada "permitiu rever em baixa o preço inicialmente anunciado" de um 'spread' entre 100 e 105 pontos base para um 'spread' final de 97 pontos base, explica o BPI.

As acções do BPI desceram 1,05% para 1,79 euros na sessão de hoje.