Política

03/05/13 00:06

Passos Coelho anuncia medidas e apela ao consenso

Filipe Garcia e Marta Moitinho Oliveira

Primeiro-ministro anuncia hoje às 20 horas as medidas de corte de 4,7 mil milhões de euros na despesa do Estado. Seguro dá entrevista à mesma hora.

Passos Coelho anuncia medidas e apela ao consenso

Passos Coelho anuncia hoje às 20 horas as medidas com que espera cortar 4,7 mil milhões de euros à despesa do Estado. À mesma hora, António José Seguro estará na TVI para uma entrevista. A coincidência de horas e o facto de socialistas garantirem que o partido ainda não foi informado de qualquer das medidas que o primeiro-ministro anunciará hoje levam a direcção socialista a olhar com cepticismo para a intenção de Passos em estabelecer um consenso alargado em torno da reforma do Estado.

Como o DiárioEconómico avançou na edição de ontem, o aumento da idade da reforma - deixa de ser aos 65 anos e passa a depender do factor de sustentabilidade da Segurança Social - será uma das medidas oficializadas hoje por Passos. Ontem, o ministro da Presidência garantia que a ideia é que todas as medidas sejam apresentadas em conjunto numa mensagem em que o primeiro-ministro deverá, uma vez mais, apelar ao consenso entre parceiros sociais e partidos políticos. Um consenso que terá sido enfim alcançado entre os membros do Executivo ontem de manhã, no Conselho de Ministros extraordinário. Esta noite, Passos Coelho vai mostrar abertura para que algumas das medidas a anunciar sejam ainda alteradas, por forma a possibilitar algum diálogo e a chegar a um consenso alargado com oposição e parceiros sociais.

Faça login, como assinante, para ler esta notícia na integra
Ainda não é assinante?
Garanta e acompanhe toda a informação do Diário Económico, actual, rigorosa e independente.
Escolha a modalidade que mais se adapta às suas necessidades.
subscreva já
x
Comentários
Disclaimer
"O Económico apela aos leitores para que utilizem este espaço para um debate sério e construtivo, dispensando-se, para o bem de todos, o insulto e a injúria gratuitos. Desaconselha-se o uso exclusivo de maiúsculas e a repetição de comentários. Comentários inadequados devem ser denunciados e quando tiverem mais de cinco denúncias serão eliminados. O IP do leitor não será revelado mas ficará registado na base de dados".
x
Recomendadas
x
Social
    0 LEITORES ONLINE