IMPRIMIR

Obama larga sistema antimísseis de Bush

Fim do projecto de Bush dá oportunidade à Rússia para integrar novo sistema de defesa.

A decisão está tomada: Barack Obama desistiu do controverso plano que visava construir um escudo antimísseis em plena Europa para conter as ameaças de países como o Irão e a Coreia do Norte. Com esta decisão o presidente norte-americano afasta-se cada vez mais da política externa do seu antecessor George Bush.

Numa conferência de imprensa surpresa, em Washington, Obama confirmou a decisão: "A nova arquitectura de defesa na Europa terá defesas mais fortes, rápidas e inteligentes", disse, explicando que o objectivo é envolver a Rússia num sistema global de defesa.

 

PUB