Política

06 Jun 2012

Governo falha pagamento de 1,5 milhões a nove mil militares

Ana Petronilho
Governo falha pagamento de 1,5 milhões a nove mil militares

Em causa está a falta de pagamento do Fundo de Pensões no mês de Maio.

Nove mil militares ainda não receberam o complemento do Fundo de Pensões relativo ao mês de Maio. Um universo que representa 70% do total de 13 mil beneficiários deste apoio e que tem em falta pagamentos que ascendem aos 1,5 milhões de euros. Segundo apurou o Económico junto de fonte oficial, no passado mês foram pagos, a 18 de Maio, os complementos a 4.500 herdeiros e a 20 de Maio não foi pago o complemento a cerca de nove mil militares.

Em causa estão os membros das Forças Armadas que se "encontram na reserva e que se inscreveram no Fundo de Pensões, para o qual foram descontando 1% da sua remuneração mensal", explica o secretário-geral da Associação de Oficiais das Forças Armadas (AOFA), coronel Tasso de Figueiredo. Apesar das garantias de Aguiar-Branco, que se compromete a regularizar a situação "o mais rapidamente possível" através da "venda de património", os militares asseguram que a situação se está a tornar insustentável e acusam o ministro de não "prestar qualquer esclarecimento aos militares", diz Tasso de Figueiredo.

Faça login, como assinante, para ler esta notícia na integra
Ainda não é assinante?
Garanta e acompanhe toda a informação do Diário Económico, actual, rigorosa e independente.
Escolha a modalidade que mais se adapta às suas necessidades.
subscreva já
x
Recomendadas
x
Social
    0 LEITORES ONLINE

    Comentários

    "O Económico apela aos leitores para que utilizem este espaço para um debate sério e construtivo, dispensando-se, para o bem de todos, o insulto e a injúria gratuitos. Desaconselha-se o uso exclusivo de maiúsculas e a repetição de comentários. Comentários inadequados devem ser denunciados e quando tiverem mais de cinco denúncias serão eliminados. O IP do leitor não será revelado mas ficará registado na base de dados".
    ir para o topo